Capa

Humor e sensualidade marcam o espetáculo Cachimônia que se apresenta nesta sexta-feira 23/7, às 20 horas, no Youtube.

Mariana Campos, especial para Panis & Circus

.

.

Com uma mistura de graça e sensualidade, o espetáculo Cachimônia faz parte da Mostra Virtual realizada pela cia. Artinerant´s. E pode ser visto, nesta sexta 23/7, às 20h, no canal Youtube da Artinerant´s: https://www.youtube.com/channel/UCyg_cfCbDO0eFDdehmitMtg

Dirigida por Tato Villanueva e Lu Lopes, a peça protagonizada por Maíra Campos e Nié Pedro mostra as peripécias de um casal de acrobatas imersos num relacionamento intenso e cheio de reviravoltas.

Na cena inicial, a trilha sonora melancólica e a luz vermelha logo criam o clima para um jogo provocante, um duelo de acrobacias e danças utilizando elementos como cartas de baralho, taças de vinho, pés, mãos e cabeças em compasso, denotam a intimidade e sincronia do casal.

.

.

Em seguida, o jogo vai ficando ainda mais envolvente, e no maior estilo “a gata e o rato”, a dupla inicia uma perseguição, um jogo de facas tenso e sedutor. A cenografia muito criativa e original, usando um cubo roxo neon com cortinas pretas sob uma luz totalmente escura, contribui para manter a curiosidade e atenção dos espectadores.

.

.

A beleza e tensão continuam nas cenas de equilíbrio sob garrafas e cadeiras e salto alto, para enfim, dar lugar à uma das cenas mais intensas do espetáculo: um jogo de cena dramático onde a mulher  usa todo seu poder de sedução para atraí-lo, enquanto ele simplesmente a ignora, la continua insistindo e se arrastando a seus pés e ele a atira pra longe, com frieza, numa demonstração da incerteza e instabilidade que muitas vezes domina os relacionamentos.

.

.

Porém num ímpeto de paixão, eles se reconciliam e encerram com um número gracioso de dança e acrobacias em dupla, traduzindo a esperança e a beleza dos recomeços. Merece destaque a trilha sonora, pensada por Fê Stock e Lu Lopes, cuidadosamente inserida nas cenas como um adendo às emoções interpretadas pelo casal, muitas vezes acabava por dar o tom das situações representadas e dialogar com o público, tanto quanto a performance dos artistas.

.

.

Cachimônia é o terceiro espetáculo da Artinerant´s que une circo, dança e interpretação, e estão sendo apresentados pela companhia Artinerant´s na Mostra que começou em maio e finaliza em agosto, sempre às sextas-feiras de cada mês, às 20h, pelo Youtube.

Delicadeza e emoção o tema em comum às três apresentações: as relações pessoais, inseridas no contexto do isolamento imposto pela pandemia.

*Mariana Campos é jornalista e produtora cultural

.

Os três espetáculos da Mostra Virtual – Vizinhos, Balbúrdia e Cachimônia – foram filmados as na lona do Circo Zanni, em março, sem público em função da pandemia e fazem parte do projeto aprovado no ProAC Expresso da Lei Aldir Blanc.

Ficha técnica 

Criação: Artinerant’s

Direção: Lu Lopes e Tato Villanueva

Elenco: Nié Pedro e Maíra Campos

Figurino e cenografia: Artinerant’s

Adereços: Cris Decot

Direção de arte: Joana Lira

Arranjos musicais: Renato Faria

Coreografia: Marcelo Vasquez

Desenho de luz: Dodô Giovanetti

Cenotécnica e contrarregragem: Edimar Santos

Trilha Sonora: Fê Stok e Lu Lopes

Design gráfico: Agatha Campos

Fotografia: Paulo Barbuto

Filmagem: André Marques Albuquerque

Produção e idealização de projeto: Eu.Circ (Marina Ferreira)

*Fotos – Paulo Barbuto

Deixe uma resposta

*